Associação dos Fiscais Fazendários de Ribeirão Preto/SP

Comissão da Câmara aprova projeto que aumenta salário de Kassab

altA partir de agora, texto poderá ser discutido em plenário.Salário do prefeito pode ser reajustado para R$ 24 mil em 2012.




A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Municipal de São Paulo aprovou nesta quinta-feira (30), por cinco votos a favor e quatro abstenções, o projeto de lei 303/ 2011, que fixa o subsídio mensal do prefeito Gilberto Kassab em R$ 24.117,62 a partir de janeiro de 2012. O salário da vice-prefeita, Alda Marco Antonio, passará para R$ 21.705,86. Agora o projeto será discutido em plenário e deve passar por duas votações.

A mesma lei estabelece que o subsídio mensal dos secretários municipais para exercício financeiro de 2012 ficará fixado em R$ 19.294,10.

A lei determina que os secretários municipais, que atualmente ganham cerca de R$ 6 mil, deixem de acumular "jetons" por participações nos conselhos e diretorias de empresas ligadas à administração pública municipal direta ou indireta.

O prefeito, a vice-prefeita e os secretários poderão, no entanto, receber 13º salário.A Câmara Municipal é obrigada pela Lei Orgânica do Município a fixar os subsídios a cada ano. A lei diz que compete à Mesa Diretora fixar, por lei de sua iniciativa, para cada exercício financeiro, os subsídios do prefeito, vice-prefeito e secretários municipais, limitados a 90,25% do subsídio mensal dos ministros do Supremo Tribunal Federal.

Kassab disse que irá abrir mão do aumento. Ele afirmou que o reajuste é importante para os secretários terem salários compatíveis com valores do mercado e para haver “transparência” na remuneração, já que o projeto estabelece que os secretários não poderão mais acumular salários referentes a participações em conselhos.






 

Fonte: Globo.com  - 30/06/2011



Leia mais: http://www.fenafim.com.br/component/content/article/122-destaques-pagina-inicial/779-comissao-da-camara-aprova-projeto-que-aumenta-salario-de-kassab