Associação dos Fiscais Fazendários de Ribeirão Preto/SP

Mantida extensão da Gratificação de Incentivo à Docência aos inativos

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou recurso da União, que queria ver anulada a extensão da Gratificação de Incentivo à Docência (GID) a um grupo de servidores inativos. O relator, ministro Humberto Martins, entendeu que o benefício também é devido aos aposentados, de acordo com a jurisprudência da Corte. A GID foi criada pela Medida Provisória 2.020/2000, posteriormente convertida na Lei n. 10.187/2001. A gratificação é devida aos ocupantes dos cargos efetivos de professor de primeiro e de segundo grau (ensino fundamental e médio) em diversas instituições federais de ensino, como centros de educação tecnológica, escolas técnicas e escolas agrotécnicas.

Leia mais: http://www.sinfisco.com.br/component/content/article/1-gerais/1025-mantida-extensao-da-gratificacao-de-incentivo-a-docencia-aos-inativos-